6 / 9
1 4 5 6 7 8 9
09-11-2015

Fechar Pancho Guedes numa só categoria da história da arquitectura é “negar” Pancho Guedes. O arquitecto que se dizia também e sempre artista plástico, morreu este sábado, aos 90 anos.
LUCINDA CANELAS em Jornal Público (07/11/2015)

+
09-11-2015

Pancho Guedes foi muitas coisas numa vida só. Muitos arquitectos, sobretudo. Morreu neste sábado na África do Sul, aos 90 anos. Portugal perde, assim, parte da sua cultura arquitectónica do século XX. E uma parte exuberante, que desconcerta.
ANA VAZ MILHEIRO em Jornal Público (07/11/2015)

+
20-10-2015

Lisboa| No passado dia 06 de Outubro, o CIALP e a UCCLA subscreveram protocolo de colaboração que possibilitará parcerias em diversos projetos, facilitando a investigação, preservação e divulgação do trabalho dos arquitectos que, espalhados pelos cinco continentes, se expressam em Português. De relembrar que o CIALP e a UCCLA são Cbservadores Consultivos da CPLP http://www.cplp.org/id-2766.aspx e que fazem parte da Comissão Ambiente, Cidades e Territórios desta organização.
Para mais informações sobre a UCCLA, visite http://www.uccla.pt/ +

19-10-2015

O CIALP, enquanto parceiro institucional da União Internacional de Arquitetos, disponibiliza hoje a versão em português da Código de Deontologia Internacional para Prestadores de Serviços de Consultadoria da UIA.

+
05-10-2015

Celebra-se hoje, dia 5 de Outubro, o Dia Mundial da Arquitetura 2015, sob o lema “Arquitetura, Construção, Clima: Compromisso e Soluções”, conforme indicado pela UIA em Julho passado. +

02-09-2015

Macau | No próximo dia 10 de Setembro, no Centro de Design de Macau, abre portas a exposição “Descobrir Manuel Vicente”, organizada pelo Chapter de Macau do DOCOMOMO International.
Ao contrário da exposição que aconteceu o ano passado, a edição deste ano não é uma exposição documental, não é a imagem do trabalho do arquitecto tal como aconteceu, mas sim uma exposição de interpretação e reflexão do seu contributo, sobretudo à cidade de Macau.

+
01-09-2015

O website CIALP encontra-se em reorganização até ao final de setembro, tendo em vista gerar uma versão sumária em língua inglesa, implementar um motor de busca e melhorar alguns aspetos formais e a organização de alguns conteúdos.
Agradecemos a compreensão de todos os utilizadores para qualquer incómodo consequente ou eventual anomalia, na certeza de que, pela nossa parte, continuamos apostados em melhorar o serviço prestado por este website.

+
01-09-2015

Kampala (Uganda) | O Arqº Victor Leonel Miguel, Presidente da Ordem dos Arquitectos de Angola (OAA) e membro do Conselho Directivo do CIALP, foi reconduzido como Vice-Presidente da União de Arquitectos de África (UAA) para a Região Sul de África. A reeleição teve lugar no Munyonyo Commonwealth Resort de Kampala (Uganda) durante a realização do XI Congresso da UAA, que decorreu entre 2 e 8 de Agosto último.
Também por Angola, foi eleito como membro do Conselho da UAA, o Arqº Celestino Chitonho, secretário-geral da OAA, assim como, por Moçambique, o Arqº Anselmo Cani.
Foi eleito como Presidente da UAA o Arqº Kaiso Kalambo (Tanzânia), que assim substitui o Presidente cessante Arqº Tokunbo Omisore (Nigéria).
Refira-se que, entre outros assuntos, o XI Congresso da UAA aprovou a nova constituição da União de Arquitectos de África.

+
14-08-2015

O CIALP, enquanto parceiro institucional da União Internacional de Arquitetos, disponibiliza hoje a versão em português da Carta UNESCO-UIA para a Formação em Arquitetura, aprovada na Assembleia Geral da UIA de Tóquio, Japão, em 2011.

+
12-08-2015

São Paulo (Brasil) | O IAB planeia ampliar as premiações para os estudantes dos cursos de Arquitetura e Urbanismo das faculdades e universidades brasileiras. O assunto foi discutido na 148ª Reunião do Conselho Superior do Instituto (COSU), que aconteceu entre os dias 29 de Julho e 1 de Agosto em São Paulo. A ideia é que cada departamento organize o seu prémio e que, no final do ano, os vencedores estaduais concorram numa grande competição nacional. O IAB encara a iniciativa como estratégia de aproximação aos recém-formados. Mais informaçõe sobre o Prémio +

09-08-2015

Pangim | No decurso da VIª Assembleia Geral do CIALP realizada em Pangim (Goa/ União Indiana) em Abril passado, foram aprovadas pequenas correções e alterações ao Estatuto do CIALP sendo, porventura, a mais importante, a alteração do Artigo 13º (Mandato dos Elementos dos Órgãos Sociais), dispondo agora que os mandatos dos órgãos sociais do CIALP sejam de três anos (e não de dois), a entrar em vigor a partir do próximo mandato (2016-2018).
Recorda-se que o Estatuto do CIALP foi aprovado no XIIº Encontro do CIALP em Macau/ R.P. China em Novembro de 2010, e registado em Lisboa/ Portugal em Novembro de 2012.
Assim, publica-se e dá-se a conhecer a presente redação do Estatuto do CIALP.

+
09-08-2015

UIA | No final de Julho passado, a UIA anunciou o lema “Arquitetura, Construção, Clima: Compromisso e Soluções” para o Dia Mundial da Arquitetura 2015, a realizar no próximo dia 5 de Outubro.
A UIA desencadeia, assim, um conjunto de ações dedicadas à “arquitetura responsável”, procurando evidenciar o contributo dos arquitetos do mundo na melhoria do ambiente construído e no quadro das alterações climáticas, e antecipando o COP21 (Conferência das Nações Unidas para as Alterações Climáticas), a ter lugar em Paris entre 30 de Novembro e 11 de Dezembro. A UIA estará presente no COP21, com uma delegação encabeçada pelo seu Presidente, Arqº Esa Mohamed.

Em simultâneo à UIA, o CIALP convida os seus membros e parceiros a mobilizarem-se no próximo dia 5 de Outubro, promovendo iniciativas e ações que ilustrem o enorme potencial da Arquitetura e do Urbanismo diante das alterações climáticas, um dos grandes desafios da nossa época.

+
05-08-2015

Paris | No passado dia 24 de Julho, o Presidente do CIALP reuniu na UIA, em Paris, com o respectivo Director-Geral, Nicolas Jelansky. A ocasião serviu para fazer balanço sobre as relações entre ambas as instituições, designadamente a progressiva tradução para português dos principais documentos de referência da UIA. Os primeiros documentos traduzidos serão disponibilizados no início do próximo mês de Setembro. +

14-07-2015

Lisboa | No passado dia 7 de Julho foi publicado em Diário da República de Portugal a resolução do respetivo Conselho de Ministros 45/2015 de 4 de Junho que estabelece a Política Nacional de Arquitetura e Paisagem, há muito prioridade fundamental da Ordem dos Arquitectos portuguesa. Apresentamos, de seguida, excertos do comunicado da OA: +

14-07-2015

O CIALP e a CACTO (Comissão de Ambiente, Cidades e Territórios dos Membros Observadores da CPLP), através do Arqº Nuno Soares (AAM/ Macau), estarão representados no II Fórum da Sociedade Civil da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) que decorre entre os dias 13 e 17 de Julho, em Díli, Timor-Leste. +

13-07-2015

Lisboa | No passado dia 9 de Julho, no âmbito da comemoração dos 40 anos de independência de Cabo Verde, a Sede da CPLP em Lisboa acolheu o Senhor Primeiro Ministro de Cabo Verde, Dr. José Maria Neves, tendo este proferido a Conferência “Cabo Verde no Horizonte 2013” em que fez um balanço do percurso do seu País desde 1975 e perspectivou possibilidades de futuro.
O CIALP esteve representado pelo seu Presidente, Arqº João Belo Rodeia.

+
25-06-2015

Brasília | Nos dias 9 de 10 de Julho próximos, o Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR) reúne em Brasília, com o apoio da Câmara dos Deputados, arquitetos e parlamentares de todo o país para discutir os principais temas pendentes no Congresso Nacional relacionados com a profissão. O evento será realizado no Auditório Nereu Ramos, Anexo II da Câmara dos Deputados. +

24-06-2015

Lisboa | No passado dia 04 de Junho, reuniu a CACTO-CPLP (Comissão de Ambiente, Cidades e Territórios dos Membros Observadores da CPLP), com a presença de representantes do CIALP (Arqº João Belo Rodeia e Drª Clélia Fernandes) e da UCCLA (Arqº João Laplaine Guimarães). +

18-06-2015

Bombaim | O coração de Charles Correa, membro honorário do CIALP, deixou de bater na passada terça-feira, dia 16 de Junho.
Conforme afirmou Prakash Deshmukh, Presidente do Instituto Indiano de Arquitetos, "Charles Correa foi a inspiração para a infusão da modernidade na arquitetura indiana depois de 1947. Perdemos um inspirador de tendências e uma amada figura paternal". +

03-06-2015

Lisboa | No passado dia 28 de Maio, reuniu pela primeira vez a recente Comissão de Ambiente, Cidades e Territórios dos Membros Observadores (CACTO) da CPLP, com a presença de representantes do CIALP (Arqº João Belo Rodeia e Drª Clélia Fernandes) e da UCCLA (Arqº João Laplaine Guimarães). A reunião decorreu na sede do CIALP, no edifício dos Banhos de São Paulo, em Lisboa.
Recorda-se que esta Comissão foi proposta pelo CIALP na VIII Reunião entre Observadores Consultivos e o Secretariado Executivo da CPLP, realizada no dia 24 de Junho de 2014, agora confirmada na recente IX Reunião análoga.
Nesta primeira reunião da Comissão, coordenada pelo CIALP, foram equacionados futuros Regulamento de Funcionamento, Plano de Actividades e Instrumentos de Comunicação, assim como a participação no Fórum da Sociedade Civil a realizar em Timor-Leste entre 13 a 17 Julho de 2015.
Foram ainda aprovados os respectivos Objecto e Objectivos, conforme seguem:

Objecto Central
A Comissão de Ambiente, Cidades e Territórios tem por objecto central o Ambiente Construído, entendendo-o no Território, na Cidade e na Arquitectura, e sempre na perspectiva de procurar melhorar a qualidade de vida das populações.

Objectivos Gerais
Constituem objectivos gerais da Comissão de Ambiente, Cidades e Territórios:
01. Entregar à CPLP um think tank permanente sobre o Ambiente Construído - do Território à Cidade e desta à Arquitectura - nos Países e Territórios de Língua Oficial Portuguesa.
02. Colaborar com a CPLP em tudo quanto diga respeito ao Ambiente Construído nos Países e Territórios de Língua Oficial Portuguesa, seja no quadro das suas actividades e iniciativas, seja no das respectivas orientações e declarações políticas.
03. Constituir um fórum permanente para a troca de experiências, conhecimento e informação nos domínios do Ambiente Construído, procurando interagir com os pilares políticos, científicos, culturais e da sociedade civil dos Países e Territórios de Língua Oficial Portuguesa.
04. Pugnar pela implementação de Políticas Públicas de Arquitectura nos Países e Territórios de Língua Oficial Portuguesa que visem a melhoria do Ambiente Construído e da Qualidade de Vida dos cidadãos.
05. Implementar e/ou apoiar iniciativas e projectos que visem a melhoria do Ambiente Construído e da Qualidade de Vida dos cidadãos nos Países e Territórios de Língua Oficial Portuguesa.
06. Contribuir para sensibilizar as sociedades civis e os cidadãos, designadamente os mais jovens, dos Países e Territórios de Língua Oficial Portuguesa quanto à importância do Ambiente Construído na Qualidade de Vida.

+
6 / 9
1 4 5 6 7 8 9